Leitura: 3 min

5 mitos sobre o mercado de investimento desvendados agora!

Investir no mercado financeiro pode soar como algo complicado para algumas pessoas. Muitas vezes, isso se deve à grande quantidade de mitos que circulam por aí, causando dúvidas naqueles têm pouca experiência no assunto.

Essas ideias equivocadas são responsáveis por afastar interessados que poderiam fazer excelentes negócios, ajudando o sistema financeiro a se fortalecer. Por isso, decidimos desvendar os 5 principais mitos sobre o mercado de investimentos, neste post. Confira!

1. Investir é só para quem tem muito dinheiro

Diferentemente do que muitos pensam, não é preciso ter muito dinheiro para investir no mercado financeiro. A verdade é que existem opções de aplicações para todos os perfis.

Os títulos de Tesouro Direto, por exemplo, podem ser adquiridos a partir de R$3,00, com liquidez diária e rendimentos melhores do que a poupança. Também há alternativas que exigem aportes um pouco maiores, mas que podem trazer lucros ainda mais interessantes para quem já tem uma quantia acumulada.

2. É preciso conhecer a fundo o mercado para investir

Nem todas as pessoas são experts quando o assunto é o mercado financeiro, mas isso definitivamente não é razão para que alguém deixe de investir. Aliás, mais importante do que conhecer os detalhes desse universo é ter um planejamento bem definido, o que é possível fazer, mesmo sem grandes conhecimentos econômicos.

Quando precisar de algum tipo de orientação, é possível contar com o auxílio de assessorias especializadas. Seus profissionais estarão prontos para ajudar na escolha dos melhores investimentos, de acordo com os seus objetivos.

3. É muito arriscado investir no mercado financeiro

Talvez você já tenha ouvido histórias sobre pessoas que sofreram perdas ao investir, fazendo parecer que esse seja um negócio arriscado. Apesar de casos assim existirem, a grande maioria acontece no mercado de renda variável e, principalmente, quando não é feito o planejamento adequado.

Há diferentes níveis de risco para quem quer investir, inclusive para quem quer ter total segurança para evitar perdas. Se esse é o seu caso, vale apostar nos papéis de renda fixa, que têm baixo risco e rendimentos atrativos.

4. A poupança é o melhor investimento de baixo risco

Ao contrário do que esse mito sugere, nos dias de hoje, a caderneta de poupança vem perdendo cada vez mais sua atratividade. Ainda que seja uma opção de baixo risco, os rendimentos desse tipo de aplicação estão entre os menores do mercado, sobretudo devido aos recentes cortes na taxa básica de juros da nossa economia.

Isso faz com que o dinheiro aplicado na poupança perca poder de compra ao longo do tempo, já que os ganhos, em muitos casos, não superam nem a inflação. Por outro lado, investimentos como CDB, Letras de Crédito e títulos públicos oferecem a mesma segurança e retornos bem melhores, tornando-se excelentes alternativas frente à tradicional caderneta de poupança.

5. Investimentos têm relação com esquemas de pirâmide

Por terem pouca intimidade com o mundo dos investimentos, alguns imaginam que esse seja um negócio de credibilidade duvidosa. Existe, até mesmo, quem acredite que estão relacionados a esquemas de pirâmides financeiras.

Contudo, os interessados em investir podem ficar tranquilos, pois isso tudo não passa de um grande mito. Afinal, o mercado financeiro nacional é regulado por instituições como o Banco Central, o CMN (Conselho Monetário Nacional) e a CVM (Comissão de Valores Mobiliários). Tudo isso garante transparência e total confiança para quem aplica seu dinheiro.

Ainda assim, se você receber promessas de ganhos fáceis ou a solicitação para recrutar mais pessoas para o negócio, desconfie! Dessa forma, você foge de possíveis golpes e pode escolher a melhor opção para aplicar e fazer parte do mercado de investimentos!

Agora que desvendamos os 5 principais mitos sobre investimentos, que tal ficar por dentro dos nossos próximos conteúdos? É só seguir nossas páginas no Facebook, no Instagram e no LinkedIn para receber as nossas dicas sobre finanças!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários
    Rolar para cima